O que faz um Playtester?

Centro de Excelência Apple
Av. T-1 Nº 2266, Setor Bueno - Goiânia - GO

(62)3251-2001

Cadastre-se Grátis e receba nosso conteúdo!

O que faz um Playtester?

O que faz um Playtester?
Share on Facebook0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0

 

Na produção de jogos é preciso garantir que a etapa de protótipos esteja recebendo testes sólidos e feedbacks produtivos para um bom andamento do processo. E você sabe quem é responsável por testá-los?  O playtester é o profissional que cria um roteiro de testes para os jogos que estão sendo produzidos. Além de organização, ele precisa ter senso crítico para analisar e fazer críticas construtivas a fim de promover melhorias ao jogo testado.

 

Esses profissionais vão jogar o game por vários períodos de tempo, buscando e relatando problemas como os bugs, problemas de usabilidade, pontos em que a experiência pode falhar, erros na sincronização, dentre outros. Eles possuem um conhecimento melhor da área e podem contribuir com a equipe de desenvolvimento no processo de produção.

 

Mas, trabalhar e jogar como um playtester é um trabalho árduo e minucioso, pois é preciso passar alguns períodos de tempo jogando a mesma fase, vendo e refazendo os caminhos que foram percorridos para encontrar um ‘’padrão’’ no erro constatado e assim notificar a equipe para ajustá-los e resolvê-los.

 

Softwares que auxiliam

 

O Mantis é um exemplo de software que faz a gestão de erros do jogo. Portanto, ele registra, notifica a equipe e marca o estado atual do erro, podendo marcar como resolvido ou em fase de resolução. Ele traz os relatórios de forma organizada e descreve quais foram os erros encontrados, o tempo, quantos ocorreram, qual tipo de erro, sua classificação, frequência e outros atributos.

 

As necessidades de realização de um teste

 

A realização de um teste exige um plano ou um roteiro do que deve ser analisado no jogo. Todos os elementos testados devem constar na lista para uma melhor avaliação. Geralmente, os playtesters utilizam uma planilha eletrônica em que são marcados alguns fatores com um ‘’ aprovado ‘’ ou ‘’ reprovado’’. Nela, são gerados relatórios que descrevem o erro encontrado e como o mesmo ocorre. Dependendo do erro, é enviado em anexo um vídeo ou uma screenshot sobre como ele ocorre e em qual situação ele aparece.

 

Para o registro de um bug, os itens a serem considerados são:

 

Versão: qual é a versão testada do jogo e se ela for em uma plataforma em particular, é necessário especificar.

Categoria: qual é o tipo de erro e se ele ocorre na programação, no design gráfico, no projeto ou em outras áreas.

Resumo: uma breve explicação do próprio erro.

Descrição do bug: explicação detalhada sobre o erro em questão.

Gravidade: se o erro é classificado como fatal, crítico, instável ou se necessita de uma solicitação de recursos.

Prioridade: ajuda a definir qual erro a equipe irá resolver primeiro.

Passos a reproduzir: indica como é realizado a reprodução do bug.

Capturas de tela: são uma forma de complementar a descrição do erro e mostrar, através de imagens, onde e como ele ocorre.

Os testes para jogos consistem numa etapa importante para que se garanta a qualidade final do game. Assim, a profissão de playtester é fundamental para o feedback e avaliação dos protótipos desenvolvidos. E você, gostou de saber como um playtester trabalha e quais são suas funções dentro da equipe? Comente com a gente!

 

Share on Facebook0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0
Quer saber como criar o game que você sempre sonhou?
Ebook iGames

Baixe seu ebook - "Como criar o jogo do seus sonhos em 5 passos!"

McTech © Todos os Direitos Reservados - 2015 | Desenvolvido por Blueberry - Soluções Digitais